Fotógrafo recria propagandas machistas dos anos 50

Fotógrafo recria propagandas machistas dos anos 50:

Em determinada ocasião, quando o fotógrafo libanês Eli Rezkallah, de 31 anos, participava do jantar de Natal com sua família, ouviu seus tios falando sobre como as mulheres poderiam executar melhor suas tarefas: limpar e cozinhar. O fato o inspirou a recriar peças publicitárias dos anos 1940, 1950 e 1960, trocando mulheres e homens de posição. “Sei que nem todos os homens são como meus parentes, mas fiquei surpreso em ver que opiniões como as deles ainda existem. Foi por isso que preparei o projeto, para que eles possam provar do próprio veneno sexista”.

A seguir, o BountyStar.com mostra as fotos do projeto “Mundo paralelo”, que reflete as mudanças ocorridas na sociedade nas últimas décadas. E nós esperamos que o estereótipo segundo o qual “lugar de mulher é na cozinha” fique num passado distante e nem ouse reaparecer.

Gravatas Van Heusen

“Mostre que o mundo é dos homens”

Café Chase and Sanborn, década de 1950

“Se um dia seu marido descobrir que você não confere o frescor do café antes de comprar…”

Cerveja Schlitz

“Não se preocupe, amor, você não queimou a cerveja!”

Rede de restaurantes fast food Hardee’s

“As mulheres não saem da cozinha!”

Fotógrafo recria propagandas machistas dos anos 50

Calças Mr. Leggs, 1962

“É bom ter uma garota em casa”

Meias-calça da Chemstrand Nylon, década de 1940

Detergente Lux, 1956

“Saia da cozinha o quanto antes!”

Aspiradores Hoover, década de 1950

“Na manhã de Natal, ela ficará mais feliz com um Hoover”

Ketchup da Alcoa Aluminium, década de 1950

“Quer dizer que até uma mulher consegue abrir?”

Eli Rezkallah começou a trabalhar aos 16 anos como produtor de ensaios de moda, e depois como diretor criativo de desfiles. Hoje, ele se dedica à fotografia comercial e é o responsável pela revista Plastik Magazine.

↓ Imprensa «Like» e obter os melhores posts no Facebook ↓

Fotógrafo recria propagandas machistas dos anos 50